Este semi frio de frutos vermelhos é mais uma sobremesa fácil de fazer e de que todos gostam e é ideal para servir em festas de família ou de aniversário ou ainda em épocas festivas, como por exemplo agora na Páscoa onde já aparecem os primeiros morangos da época.

Fresco, doce e ligeiramente ácido, este semi frio faz as delicias dos gulosos e dos não gulosos também.

Como muitas das sobremesas que se costumam fazer na alimentação Macrobiótica, leva na sua preparação alga ágar-ágar para solidificar. Esta alga encontra-se já facilmente à venda em ervanárias ou lojas de produtos naturais e tem imensos benefícios. É uma maravilhosa gelatina natural de sabor muito suave (quase neutro) nutritiva e rica em sais minerais. Também é rica em iodo e oligo elementos e tem propriedades laxantes e depurativas sendo o seu consumo ideal para pessoas com obesidade.

semi frio de furtos vermelhos

O que posso dizer sobre este semi frio de frutos vermelhos:

  • Não leva produtos de origem animal podendo ser consumido por Vegans. Se na base utilizar bolachas sem glúten fica apto também para celíacos ou intolerantes ao glúten.
  • Todos os ingredientes são fáceis de encontrar e/ou substituir.
  • É fácil e rápido de fazer.
  • Ideal para uma sobremesa fresca e para dias de festa
  • Rende 12 porções
  • Pode fazer muitas substiuições nos ingredientes e obter assim uma receita ao seu gosto.
semi frio de frutos vermelhos

Adaptações:

  • Na base, pode substituir as amêndoas por outro fruto seco (nesse caso alterar também a bebida vegetal do creme de modo a condizerem os sabores)
  • Bolachas sem açúcar por outras a gosto, inclusive sem gluten.
  • Bebida vegetal de amêndoa por outra à escolha
  • Farinha de araruta por amido de milho ou kuzu
  • Geleia de agave por outro adoçante natural a gosto
  • Frutos vermelhos por outra fruta da época (pêssegos, cerejas, morangos…)

Semi frio de frutos vermelhos

Ingredientes:

Base:
250 gr de bolachas sem açúcar
125 gr de farinha de amêndoa
Bebida vegetal

Recheio:
1 Litro de bebida vegetal de amêndoa
4 c. sopa de amido de milho
1 c. sopa bem cheia de agar-agar em pó
5 c. sopa de geleia de agave/arroz

Cobertura:
1/2 kg de frutos vermelhos (podem ser congelados)
4 c. sopa de geleia de agave/arroz
1 c. sopa de farinha de araruta
1/2 c. sopa de agar-agar em pó

Preparação
Começamos por preparar a base triturando as bolachas com a ajuda de uma processador de alimentos ou batendo com o rolo da massa dentro de um saco de plástico até ficarem desfeitas.
Juntar a farinha de amêndoa e misturar ambas. Ir juntando bebida de arroz até obter uma massa lisa e homogénea.
Forrar a base de uma tarteira ou uma forma de fundo móvel com esta massa e reservar.
Preparar o recheio levando ao lume todos os ingredientes menos a geleia de agave/arroz.
Deixar ferver durante pelo menos 3 minutos para que o agar agar se cozinhe.
Retirar do lume, juntar a geleia de agave/arroz, misturar bem e colocar este preparado por cima da base da tarte previamente preparada.
Levar ao frigorifico até prender.
Entretanto preparar a cobertura levando ao lume um tachinho com os frutos vermelhos juntamente com a geleia de agave/arroz e cozinhar de modo a ficar uma espécie de compota mas mais liquida (de uns 8 a 10 minutos).
Misturar a farinha de araruta e o agar-agar com um pouquinho de água para dissolver e juntar à compota de frutos vermelhos.
Deixar no lume por mais uns minutos mexendo sempre com a ajuda de uma colher até o ágar-ágar cozinhar.
Colocar a cobertura por cima do recheio já solidificado e levar de novo ao frigorifico até prender.


Outra sobremesas de que poderás gostar:

Subscreve a minha Newsletter

Não percas as últimas novidades de dicas e receitas de cozinha

Concordo em dar as minhas informações pessoais em MailChimp ( mais informações )

O teu email está 100% seguro, nunca será divulgado ou vendido. Podes cancelar a tua subscrição em qualquer momento.

Similar Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.